O Essencial sobre o Pensamento de Paulo

O Essencial sobre o Pensamento de Paulo
The Essence of Paul's Thought

Contacts

Secretariado

Drª Marta Salvador
Secretariado
E-mail: ier@ucp.pt
Tel.: (+351) 217 214 155

More Information

Duração do Curso: 9, 16, 23 e 30 de maio de 2018

Horário: 4ª feiras, 18h00 - 19h15

Local: Universidade Católica Portuguesa, Lisboa

Sala: Auditório 2 (Edifício 1)

Download Programa e Metodologia

Program Description

Formação avançada | José Tolentino Mendonça | 2 créditos (ECTS)

Paulo de Tarso é, certamente, um dos autores fundamentais do património mental da humanidade, com uma posteridade complexa e transversalmente disseminada:

  • Devemos a Paulo a primeira tradução cultural do cristianismo e a sua deslocação de um ambiente judaico e campesino para a heterogeneidade do espaço helénico-romano. Resumindo o impacto desse gesto poderíamos dizer, quase brutalmente: devemos a Paulo de Tarso a forma do cristianismo tal como hoje a conhecemos. O cristianismo na dicção primeira de Jesus era sociologicamente uma realidade oral e campesina. Não raro, por detrás do grego corrente em que os evangelhos as narram, ainda se pode como que sentir o eco do aramaico falado nas aldeias palestinenses. Paulo fala a linguagem da cidade. Paulo estava, assim, apto para protagonizar uma das operações teológicas mais criativas e complexas: a da tradução da mensagem cristã.
     
  • Possuímos de Paulo várias cartas, e há um consenso em considerá-las os primeiros escritos cristãos que chegaram até nós. Em década e meia de atividade epistolar intensa e de reflexão, o seu pensamento evolui, as motivações amadurecem, alteram-se os destinatários e as situações que enfrenta. Mas a evolução do seu pensamento liga-se também a um amadurecimento da forma literária em que se exprime. Se os primeiros escritos de Paulo são cartas simples, sem especial elaboração, o apóstolo passa a conhecer os recursos da oficina literária e a manejá-los, tornando-se um verdadeiro escritor.
     
  • No mundo das cidades greco-romanas onde os homens são desiguais por nascimento e onde os grupos sociais parecem separados por fronteiras raramente ultrapassáveis, o cristianismo podia oferecer a cada um uma nova consciência de si e a solidariedade real e simbólica de uma pertença comum. E podia fazê-lo com as possibilidades de impacto e alcance da mensagem escrita. Doravante, «não há judeu nem grego, não há escravo nem livre, não há homem e mulher, porque todos sois um só em Cristo Jesus» (Gal 3,28), garantiu Paulo e... por escrito.

Destinatários:

O Curso de formação avançada «O Essencial sobre o Pensamento de Paulo» destina-se a todos os:

  • Estudantes de diferentes programas de ensino superior interessados em formação especializada no domínio dos Religious Studies;
  • Agentes ligados à educação, comunicação, cultura, mediação social, desenvolvimento humano, liderança e assistência religiosa;
  • Outros públicos interessados em formação contínua.

Contacts

Secretariado

Drª Marta Salvador
Secretariado
E-mail: ier@ucp.pt
Tel.: (+351) 217 214 155

Related Events